Arquivos mensais: março 2017

Pico Paraná, a montanha mais alta do sul do Brasil – 1.877m

Por: grafismorupestre.com

“Porque no final, você não vai se lembrar do tempo que passou trabalhando no escritório ou cortando grama. Suba aquela maldita montanha” (Jack Kerouac)

O Pico Paraná é o ponto mais alto da Região Sul do Brasil, localizado entre os municípios de Antonina e Campina Grande do Sul,  60 Km de Curitiba no Paraná. Pertence à Serra Ibitiraquire (Serra Verde na língua Tupi) parte integrante da Serra do Mar. 

A vista panorâmica que se tem quando no pico é impressionantemente linda, dependendo das condições avista-se até as cidades de Curitiba e do Litoral paranaense. A trilha exige esforço moderado no primeiro terço dela e nos últimos 1500 m, o restante é de esforço leve com algumas dificuldades em obstáculos como pedras e raízes das árvores.

Pico do Paraná – Serra do Ibitiraquire, visto do ponto da trilha chamado de "A Janela".
Pico do Paraná – Serra do Ibitiraquire, visto do ponto da trilha chamado de “A Janela”.

Atenção: Apesar de descrevermos o melhor possível as rotas, não nos responsabilizamos pelas informações prestadas! Se for a sua primeira ascensão ao Pico do Paraná, seja prudente e contrate um guia local.

Continue lendo Pico Paraná, a montanha mais alta do sul do Brasil – 1.877m

Pela Defesa da ESCARPA DEVONIANA

Por: www.grafismorupestre.com

São mais de 60 sítios arqueológicos catalogados e que deveriam ser protegidos na APA (Área de Proteção Ambiental) da Escarpa Devoniana na região dos Campos Gerais no Paraná, englobando 13 municípios.

Isso é o que sobrou de um sítio arqueológico de mais de 7000 anos nos limites da APA da Escarpa Devoniana depois de uma queimada, ele está a poucos metros de campos de agricultura, os LIMITES DEVERIAM SER AUMENTADOS! http://www.sopacosmica.com/grafismorupestre/2015/08/10/fotos-abrigo-prpg01-cambiju/

É de extrema importância a manutenção dos limites atuais, tanto do ponto de vista arqueológico, ambiental ou cultural da região.

Abaixo manteremos notícias sobre o absurdo Projeto de Lei nº 527/2016, que tramita na Assembleia Legislativa, com a pretensão de diminuir para aproximadamente 1/3 os limites atuais da APA. (Vote contra na petição Assembleia Legislativa do Paraná: Queremos que o projeto 527/2016 seja rejeitado e arquivado.)

Programas em vídeo da RPC – Bispo de Ponta Grossa diz ser contra redução da APA na Escarpa Devoniana

Programas em vídeo da RPC – ‘Meu Paraná’: Escarpa Devoniana está ameaçada

Gilson Burigo Guimarães – Departamento de Geociências da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) – APA da Escarpa Devoniana pode perder 70% de sua área

Euclides Lucas Garcia – GAZETA DO POVO – Carta Apelo – Pelo tombamento da Escarpa Devoniana para a proteção do patrimônio natural e cultural do ParanáProjeto reduz em mais de dois terços área de proteção ambiental que corta o Paraná

Redação – ALTA MONTANHA – Audiência sobre redução da APA da escarpa Devoniana demonstra apelo popular contra projeto

Rosana Felix – GAZETA DO POVO – O mapa suspeito da Escarpa Devoniana

Péricles de Mello – DEPUTADO ESTADUAL – Carta Apelo – Pelo tombamento da Escarpa Devoniana para a proteção do patrimônio natural e cultural do Paraná

Este material é protegido pelas leis de direitos autorais. Ele não pode ser copiado por qualquer meio para fins comerciais, sem prévia autorização. Se deseja usá-lo para fins acadêmicos, veja como citar este artigo: 

GRAFISMORUPESTRE.COM. Pela Defesa da ESCARPA DEVONIANA. Disponível em: www.grafismorupestre.com; Acessado em: xx/xx/xxxx.

Para fotografias:
Nome da fotografia. Fonte: www.grafismorupestre.com.

Divulgue este absurdo nas redes sociais abaixo:

ROTA FOTOGRÁFICA – Trilha da Pedra Sapo à Pedra do Cume da Serra do Lopo na Mantiqueira – Extrema MG

Por: www.grafismorupestre.com

I think that maybe we do not climb a mountain because it is there. We climb because we are here. (Jon Carrol)

Para atingir a Pedra do Cume o ponto mais alto da Serra do Lopo (1.700 m de altitude) siga abaixo a rota fotográfica comentada, para outras informações sobre a trilha e mapas veja o artigo: Pedra do Cume da Serra do Lopo na Mantiqueira através da Trilha da Pedra Sapo – Extrema MG

Atenção: Apesar de descrevermos o melhor possível as rotas, não nos responsabilizamos pelas informações prestadas! Se for a sua primeira ascensão à Pedra do Cume, seja prudente e contrate um guia local.

1 Mirante da Caixa (Clique nas fotos para ampliá-las.)

Placa indicativa do início da Trilha da Pedra Sapo ao lado do Mirante da Caixa Dágua. Observação a árvore seca não existe mais!
Placa indicativa do início da Trilha da Pedra Sapo ao lado do Mirante da Caixa Dágua. Observação a árvore seca não existe mais!

Continue lendo ROTA FOTOGRÁFICA – Trilha da Pedra Sapo à Pedra do Cume da Serra do Lopo na Mantiqueira – Extrema MG

Pedra do Cume da Serra do Lopo na Mantiqueira através da Trilha da Pedra Sapo – Extrema MG

Por: grafismorupestre.com

After climbing a great hill, one only finds that there are many more hills to climb. (Nelson Mandela)

A Pedra do Cume, é o ponto mais alto da Serra do Lopo sendo parte do trecho inicial da Serra da Mantiqueira. A região da Mantiqueira impressiona pela diversidade biológica, beleza e oportunidades para a prática do montanhismo no Brasil. O cume da Serra do Lopo possui 1700 m de altitude e está na divisa de Minas Gerais e São Paulo, entre as cidades de Joanópolis e Extrema.

Serra do Lopo inicio da MantiqueiraPedra do Cume na Serra do Lopo – Mantiqueira, vista de Bragança Paulista – SP.

Continue lendo Pedra do Cume da Serra do Lopo na Mantiqueira através da Trilha da Pedra Sapo – Extrema MG